Guia Da São Silvestre

Contra A Corrente, Progride A Dieta Com Apoio Em Gorduras


Fazer ou não fazer? Antes de começar qualquer tipo de dieta é significativo entender o que acontece com o teu corpo. Convocamos a nutricionista Carol França para clarificar este assunto, Dieta Cetogênica. O que é Cetose? A cetose é um estado metabólico no qual o corpo obtêm energia de moléculas chamadas de corpos cetônicos. Esses corpos cetônicos são produzidos pelo fígado durante períodos de restrição de alimentos (jejum) ou uma dieta low carb (com pequeno carboidrato). A dieta cetogênica tradicional foi criada pelo Dr Robert Atkins.


Foi publicada em teu livro em 1972 chamado: “A dieta revolucionária do Dr Atkins”. Defendendo a ideia de que a causa da epidemia de obesidade dava-se não pelo exagero de gordura, contudo sim do consumo excessivo de carboidratos. Principalmente os carboidratos refinados como açúcar e trigo. Hoje a extenso maioria da população come mais carboidratos do que há cem anos atrás. Os carboidratos são encontrados nos pães, massas, bolos, chocolates, sorvete, biscoitos. Na dieta cetogênica, todos estes alimentos são eliminados. A cetose é o momento em que nosso corpo usa a gordura como referência de energia. Uma das vantagens da dieta cetogênica é que teu corpo não fará mais picos de insulina que ocasionam as terríveis gorduras localizadas.


Dessa forma, no momento em que não se tem mais picos de insulina, não há sinal para o tecido adiposo fazer lipogênese (criação de gordura). Além disso, não haverá inibição do hormônio do crescimento. Todo esse conjunto de fatores resulta no emagrecimento. Como tem êxito a dieta Cetogênica? Certamente, existe algo chamado individualidade pessoal biológica.



  • Coma laranja

  • dois Por Que Exercem Bem

  • Comecei A Malhar E Engordei?
  • Temperos: aceite de oliva, soja, milho, mostarda, limão, vinagre balsâmico, vinagre


  • Fique atento às condições do asfalto (se você estiver correndo em circuito de estrada)


5 Suplementos Para Obter Massa magra

Entretanto, de um modo geral, os primeiros 3 dias são os mais difíceis, em razão de conseguem provocar tontura e agonia de cabeça. Durante essa fase o consumo de carboidratos é limitada e demora 2 semanas para ser concluída e contribui o corpo humano a entrar no estado da cetose. São permitidos só 12 e 15 gramas de carboidrato por dia, e deverão vir de verduras e legumes. A fase seguinte permite a reintrodução de alguns carboidratos, mas apenas até o grau onde ainda ocorra perda de calorias. A toda semana poderão ser introduzidos 5 gramas de carboidrato. A cada semana aumenta-se dez gramas de carboidrato até o ponto em que o indivíduo pare de emagrecer, entretanto assim como não ganhe peso.


E alimentos proibidos passam a ser permitidos no cardápio uma vez na semana. Os indivíduos buscam conservar os hábitos aprendidos nas fases anteriores e ocorre a manutenção do peso. A literatura tem exposto que as dietas hiperlipídicas possuem pequena adesão com o ir do tempo e, quando abandonadas e seguidas de alimentação normal, aumentam a competência metabólica e promovem obesidade.


Alguns profissionais da nutrição não aprovam a exclusão total dos carboidratos da dieta. Alguns defendem que uma dieta baseada em proteínas e gorduras oferecem riscos como: degradação dos rins e doenças do coração. Segundo Martin WF Armstrong LE Rodriguez, um post publicado em setembro de 2005 diz que o aumento do consumo protéico é uma das estratégias de redução de calorias e obesidade, porém, é um fator de risco pra doença renal. A filtração glomerular (uma quantidade do funcionamento renal) aumenta com o acrescento do consumo de proteínas. Em pacientes com doença renal pré-existente, o consumo de proteínas parece estar filiado a uma queda progressiva da função renal. De imediato em pacientes com atividade renal normal, não foi encontrada nenhuma associação. Dito isso, tenha cuidado com dietas da moda, mais cuidado ainda com dietas muito restritivas. Consulte um nutricionista pra convir uma dieta pro teu individualismo. Pratique atividade física. Busque teu equilíbrio. PONTES, L. M. B. Por que reeducar em grupo?


Há diversas ferramentas pela Web hoje em dia que servem pra essa finalidade, porém a que eu usei por bastante tempo e gosto até hoje é o FatSecret. Nele você adiciona tudo que come durante o dia e ele vai gerando o total de carboidratos líquidos, gorduras, proteínas e excessivo detalhes que você configure pra apresentar-se. Ensino a usar ele por aqui. Sem “jeitinho”. Não gaste sua cota de carboidratos líquidos em alimentos processados, não é uma maneira saudável de transportar esse estilo de vida. Foque na comida de verdade, sem rótulos ou químicas.


Têm algum problema de saúde e quer variar a alimentação? Não deixe de consultar um nutricionista ou endocrinologista antes de sair mudando teu cardápio. Lembrete às grávidas e em recurso de amamentação: Reduzir drasticamente o consumo de carboidratos vindos de frutas e vegetais é nocivo e não necessita ser feito nesses momentos da vida. Tanto o feto como o bebê precisam do máximo de nutrientes e vitaminas que você tem a ofertar pelo cordão umbilical ou pelo leite, não esqueça disso. Diminuir processados e eliminar pães, bolos e massas cheios de farinha branca imediatamente são capazes de auxiliar você e teu bebê a terem uma existência super saudável.


Cadastre-se pra ganhar GRÁTIS um ebook com Dicas e Receitas pra um Café da Manhã Low Carb que emagrece e alimenta! Muito obrigada por se cadastrar! Menos alimentos processados, mais comida de verdade. O equilíbrio é peça fundamental neste local. Não se trata de SÓ consumir alimentos naturais e também não é só ingerir alimentos processados.


A base da tua alimentação serão vegetais, carnes e gorduras naturais do azeite de oliva, ovos, queijos, frutas low carb, do mesmo jeito que castanhas e nozes. Quais alimentos não poderei ingerir ou devo impedir? Óleos refinados (soja, canola, milho etc). Eles são zero carbo sim, mas passam por mil processos químicos no decorrer do seu preparo.


Numa dieta baseada em comida de verdade você precisa preparar seus alimentos com gorduras naturais com nanico grau de processamento, como a manteiga, a banha e o azeite de oliva, tais como. Eu emprego azeite e manteiga para tudo. Grãos, especialmente o trigo. Pães, massas, bolos, biscoitos, rosquinhas, cuecas-viradas, muffins, cookies, cupcakes, baguetes, pizzas, bagels, brioches.



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *